Fora Temer! Fora todos os políticos corruptos e suas reformas


Ocupar Brasília no dia 24 e preparar a greve geral de 48h

No final da tarde desta quarta feira, 17 de maio, o Jornal O GLOBO publicou uma matéria que paralisou imediatamente o país não só neste dia, mas também no dia seguinte. Segundo a matéria os irmãos Joesley e Wesley Batista prepararam uma delação em sigilo de justiça. Donos da maior empresa que atua com a produção de proteína animal, sob orientação dos procuradores e policiais federais, produziram provas de corrupção envolvendo o presidente Michel Temer, o senador Aécio Neves, o senador Zezé Perrella e o deputado Rodrigo Rocha Loures. Também foram citados o ex-ministro Guido Mantega e o ex-presidente Lula. Ainda, segundo a mesma matéria, as delações teriam ocorrido no mês de abril deste ano. Esta delação dos irmãos proprietários da JBS foi feita em tempo recorde. Muito diferente das delações da Odebrecht que foi negociada durante dez meses e a da OAS que se arrasta por mais de um ano. Leia mais…

24 de maio: Vamos ocupar Brasília e preparar a Greve Geral de 48 horas


As Centrais Sindicais, reunidas na tarde desta segunda-feira (8), decidiram marcar a data do #OcupeBrasília, no próximo dia 24 de maio. Apoiadas na disposição de luta dos trabalhadoras e trabalhadores brasileiros, que se refletiu nas jornadas de luta de março e na força da Greve Geral de 28 de abril, a ideia é avançar na mobilização nacional contra as reformas da Previdência, a trabalhista e a terceirização.

A todas e todos que se organizam em oposições e demais movimentos sociais entrem em contato. Abrimos uma lista. Para o embarque é necessário identificar o movimento social, nome completo e o número da identidade. Façam parte desta caravana histórica em defesa dos direitos dos trabalhadores e do povo. Leia mais…

O 1º de maio é o Dia Internacional do Trabalhador


Em todo o mundo este dia será um grito de guerra por melhores condições de trabalho, salário e vida para o conjunto da classe operária, dos camponeses e o povo. Neste dia vamos convocar a unidade dos trabalhadores para derrubar os planos neoliberais de Marcelo Crivella, Luiz Pezão e Michel Temer.
A greve geral de 28 de abril envolveu cerca de 6,65 milhões de trabalhadores que cruzaram os braços em todo o Estado do Rio de Janeiro. Foram dezenas de assembleias feitas por mais de quarenta entidades que decretaram greve neste dia. Algumas por tempo indeterminado.
Vamos construir organismos democráticos dos trabalhadores, novas direções para as lutas, desde as bases. Vamos unificar as novas direções que surgem nas lutas que se dão em comitês e coordenadorias de lutas. Vamos realizar um primeiro de maio de luta.
Contra as reformas da previdência e trabalhista! Contra a terceirização! Em repúdio à repressão policial dos patrões e seus governos! Nenhum direito a menos! Todas e todos às ruas!
Concentração às 11 horas, na Praça Floriano, Cinelândia, Centro, Rio, RJ. Leia mais…

Comitês de base preparam Greve Geral do dia 28 de abril


Preparar a Greve Geral de 28 abril pela base. Com comitês nas empresas, nos canteiros de obras, nas plataformas, nas escolas, universidades, no transporte público, nos bairros, em comunidades, praças públicas. A CSP-Conlutas centra todos os seus esforços neste mês de abril para parar tudo no próximo dia 28. Leia mais…